26 de Fevereiro de 2018

Menos Barulho por Favor

Acessibilidade Aparelhos Auditivos Como agir Deficiência Auditiva Educação Humor Informações Música Pessoas com Deficiencia Tecnologia Variadas
Por Diéfani Favareto Piovezan

Todos sabem que eu amo o implante coclear, amo poder ouvir e amo os sons que me são entregues, sons esses aos quais fui privada por um bom tempo, mas não há nada melhor do que chegar em casa depois de um dia inteiro de trabalho e correria, tirar os processadores e ficar em silêncio.
Durante o dia sou bombardeada de informações sonoras, tenho déficit de atenção e hiperatividade, trabalho com programação e após o trabalho tenho diversas coisas para fazer na rua. A quantidade de informação que recebo durante o dia é imensa e o meu cérebro cansa a ponto de às vezes desligar sozinho por sobrecarga. E não me refiro a dormir, me refiro a uns períodos que ele parece estar em modo de espera. Estou acordada mas ele não está funcionando.
Quando chego em casa depois do dia que tive, qualquer barulhinho me irrita. Pia ou chuveiro pingando, música alta no vizinho (e muitas vezes nem tão alta assim está)., cachorro latindo. Tem dia que eu não estou nem a fim de conversar porque vai me irritar. Continue Lendo